VÍDEO: O futuro luxuoso e tecnológico de Swedish House Mafia

O trio sueco Swedish House Mafia não tá fraco não! Seguindo uma linha de videoclipes espetáculares como One (your name) e Save the World (40 milhões de views)os caras lançaram ontem o clipe de Greyhound em pareceria com a Absolut Vodka. O clipe mostra uma corrida de cães ultra tech com apostas entre milionários excêntricos e fashionistas do futuro, com os cães da corrida sendo controlados pelos DJs em interfaces a la Tron legacy. 

O mais interessante é a atmosfera futurística e apocalíptica que une referências de moda + steampunk + estética TRON e Minority Report … a releitura de futuro do diretor criativo é nota 1000, e para mim um dos melhores videoclipes lançados nos ultimos anos. Bem que o futuro poderia ser assim… será que eu nasci na época errada?

Sentou? Pegou a pipoca? Aperte o play

Anúncios

Vídeo: Casa inteligente totalmente interativa

Casa Inteligente é na verdade a primeira casa totalmente digitalizada – nós já não falamos apenas de domótica (tecnologia recente que permite a gestão de todos os recursos habitacionais) e automação residencial, mas de interações reais com paredes e pisos, como um sistema touch que já estamos nos acostumando em alguns eletrodomésticos, primeiro em máquinas de lavar roupas e microondas e depois nas TVs, nada mais natural que aos poucos tudo fique ao nosso alcance com apenas um toque.

Openarch || FILM from Openarch on Vimeo.

Não há mais telas, mas apenas superfícies (potencialmente todos da casa) que se comunicam através de touch e de gestos (como no Kinect), porém muito mais funcional do que a aplicação em jogos. Tão interessante quanto assustador se pensarmos que o que os filmes projetavam para um futuro distante (2035 ou mais) poderemos ter em um futuro bem mais próximo, pelo menos para os mais abastados financeiramente.

Openarch é um protótipo real de uma casa inteligente. A primeira casa projetada do zero para incorporar uma camada digital conectando-se a casa e seus elementos para a Internet. Seus habitantes levam uma nova vida digital e conectada. É flexível e graças à sua capacidade de transformar, ele pode se adaptar a qualquer condição que exige que o usuário.

Via http://www.criadesignblog.com